Coronavírus Educação

Aulas de conscientização aos cerca de 450 mil alunos sobre a importância do uso de máscaras e do isolamento social é proposta de deputado no Amazonas

“Está dramática a situação da Covid-19 no Amazonas e em Manaus. Tivemos recentemente mais de 100 mortes confirmadas em apenas 24 horas e a tendência é crescer mais ainda. As medidas de isolamento, até agora, são insuficientes. Há necessidade de ampliar e o lockdown é um caminho”. A declaração, em tom de preocupação, do deputado federal José Ricardo (PT/AM) o fez encaminhar Indicações às redes Estadual e Municipal para que, durante as aulas on line, façam conscientização aos cerca de 450 mil estudantes sobre a importância do uso de máscaras e do isolamento social, cumprido hoje por menos de 50% da população de Manaus.

O respeito ao isolamento social, explicou o deputado, é um dos principais fatores que têm contribuído para a diminuição da curva de crescimento da Covid-19 em todo o mundo. Muitos países decretaram lockdown e estados do Brasil já começam a decretar esse confinamento total, como Maranhão, Pará, Ceará e Bahia, e em discussão em São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco. “No Amazonas, o Ministério Público enviou à Justiça pedido para lockdown. Lamento que o judiciário não tenha acatado. E pior ainda é ver o Governo do Estado e a Prefeitura de Manaus não tomando medidas mais rígidas. Enquanto isso, pessoas estão morrendo por conta da irresponsabilidade dos governantes, incluindo o presidente Bolsonaro, que também não defende o isolamento social”, criticou ele, lamentando ainda que a Assembleia Legislativa do Estado tenha aprovado a reabertura das igrejas, o que considera extremamente perigoso neste momento.

Para José Ricardo, um caminho eficaz de orientação à população pelo cumprimento do isolamento social é por meio dos estudantes, das crianças e dos adolescentes. “Precisamos reforçar essa conscientização às famílias. Infelizmente, ainda vemos muitas pessoas nas ruas, muitos carros, aglomerações nos bancos e loterias, aumentando a proliferação do vírus, e o que é pior, muitos sem máscaras. Colocar esses assuntos tão importantes com mais ênfase nas aulas on line da rede pública pode-se ter um bom resultado. Crianças têm uma forma bem interessante de alertar e de advertir aos pais, quando desobedecem a regras. Espero somente que Prefeitura e Governo implementem, para os professores assim adequarem a proposta aos planos de aula”.

O uso de máscaras caseiras pela população é uma orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) desde o início de abril, como estratégia importante para a prevenção do novo Coronavírus. O Ministério da Saúde também faz essa orientação, assim como a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS). O prefeito de Manaus chegou a assinar decreto no dia 15 de abril, recomendando à população o uso de máscaras, quando precisassem sair às ruas, o que não vem sendo praticado pela maioria.

O deputado chegou a enviar ofícios ao Governo e à Prefeitura, para realizarem parcerias com instituições, como o Instituto Federal do Amazonas (Ifam), Associação de Costureiras do Amazonas e Sindicato das Costureiras, para a confecção de máscaras a serem distribuídas à população do Amazonas, principalmente, aos idosos, diabéticos e cardíacos. “Proposta, até hoje, não colocada em prática, mesmo sabendo que essas parcerias ajudariam na prevenção à saúde e também na melhoria de renda de parte da população afetada com essa pandemia”.

aulas-de-conscientizacao-sobre-a-importancia-do-uso-de-mascaras-e-do-isolamento-social-e-proposta-de-deputado

Veja documentos relacionados ao texto:

OFÍCIO Nº 107 SEMED _ Uso de máscara.pdf

OFÍCIO Nº 108 _Seduc_isolamento social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *