Coronavírus Interior Saúde

DEPOIS DE MANAUS, FALTA OXIGENIO NO INTERIOR E ITACOATIARA JÁ REGISTRA MORTES

As consequências da negligência de quem governa o país e o estado estão chegando nos municípios do interior do Amazonas. Situação lamentável e desumana. Itacoatiara, que fica a 269 quilômetros de Manaus, também está padecendo com a falta de oxigênio no hospital e demais unidades de saúde.

Recebi vários relatos de pessoas do município, dentre eles, da vereadora professora Maria Francelízia da Silva, que informou que no Hospital Regional José Mendes, único da localidade, está faltando oxigênio e insumos básicos, como EPIs, equipamentos e até colchão para atender os pacientes internados. Conversei com a diretora do hospital que me confirmou as informações e disse que até ontem tinham 96 pessoas internadas por Covid-19 em estado avançado e duas teriam morrido por falta de oxigênio. Ela disse ainda que a superlotação está insustentável, tem pessoas nos corredores esperando por atendimento. O hospital já entrou em colapso.

Encaminhei ofício à Secretaria de Saúde e ao Governo do Estado documentos cobrando providências urgentes no envio de oxigênio para Itacoatiara, como também dos insumos que estão faltando para o atendimento à população. O secretário de saúde, Marcellus Campêlo, informou que estão sendo enviados 90 cilindros de oxigênio para o município. Até a noite apenas 30 tinham chegado de fato.

No Início dessa grave crise, conversei com o Cônsul da Venezuela que prometeu ajuda. Esse país tem ligação por estradas com Amazonas, e como o gás não pode viajar em aviões pressurizados isso facilitaria. Espero que outros países como os Estados Unidos, por exemplo, possam também enviar suas cargas de oxigênio, pois não se trata de questões políticas, mas de ajuda humanitária para salvar vidas.

Temos informações que o oxigênio doado pelo Governo Venezuelano já passou a fronteira e deve chegar ainda hoje (18) em Manaus. Esperamos que o oxigênio doado amenize a situação dos hospitais de Manaus e que a produção das empresas locais seja utilizada para às unidades de saúde do interior e permita que a população também possa comprar, para cuidar dos que estão em casa.

Vou continuar acompanhando de perto a situação da Saúde, de Manaus como também de Itacoatiara e de todo o Amazonas. E vou cobrar e responsabilizar o Governo do Estado, o governo federal e as prefeituras que não estejam promovendo ações efetivas para o combate à doença em nosso estado, evitando mais perdas de vidas.

Zé Ricardo
Federal (PT/AM)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.