Transporte

MAIS RECURSOS PARA TRANSPORTE, MAS FALTA TRANSPARÊNCIA

O Governo Federal deve repassar R$ 4 bilhões a estados, Distrito Federal e aos municípios com mais de 200 mil habitantes para garantir o serviço de transporte público coletivo de passageiros em razão da pandemia da Covid-19.

Não sou contra essa ajuda. O Governo deve ajudar todos os estados e municípios a manter serviços essenciais, como o transporte público, neste período crítico de pandemia. Mas deve ser com transparência, visando também a melhoria dos serviços e cobrando contrapartidas, no caso das concessionárias.

Este ano, em Manaus, a Prefeitura fez uma intervenção financeira no sistema de transporte, alegando que as empresas não estavam fazendo um bom trabalho. Ao final, não discutiram o contrato, nem as metas, muito menos a tarifa. E ainda repassou R$ 121 milhões em recursos (subsídios) aos empresários do transporte. E só compararam 112 ônibus novos, sem pedir nenhuma contrapartida. A frota é velha e o preço da tarifa é um dos mais caros do país. Já denunciei no Ministério Público ônibus circulando com validade vencida.

Nossas cobranças por um transporte público de qualidade e com preço justo irão continuar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *